Boa madrugada, domingo, 17 de Dezembro de 2017
Casa do Ceará

Imprima



Ouça aqui o Hino do Estado do Ceará



Instituições Parceiras








































:: Jornal Ceará em Brasília

Untitled Document

Dezembro 2012

O Canto Triste de Tito Madi

Era uma linda noite de verão
No meu Rio de Janeiro
No Piano Bar do Restaurante Antonino,
Na maravilhosa Lagoa Rodrigo de Freitas
Lá em minha linda Ipanema
Eu e a mulher amada, Estella,
Juntinhos, revivíamos lindos sonhos
De um passado que foi tão feliz.
‘’Lá fora não chovia’’
Era uma bela noite de luar,
Que prateava a Lagoa e os meus cabelos já cor de prata.
Uma grande estrela brilhava naquele imenso firmamento,
Nas águas de mar revolto,
Nos meus delírios e nos meus sonhos.
Era uma estrela tão bela que piscava anciosa
A esperar outra Divinal estrela.
Tito Madi
Que estava para chegar,
Cantar e embalar minha alma e meu coração
De sonhos, de música e de poesia.
À noite com seu silêncio e sua beleza
Era um prenúncio de um reencontro feliz e emocionante
De dois velhos amigos e companheiros dos anos cinqüenta,
lá na Rádio Nacional.
Eu, ‘’O Pequeno Ayrton”, e Tito Madi,
O maravilhoso cantor, poeta e compositor.
Lá na Rádio Nacional
Ao lado de Dolores Duran, de Tom Jobim e outros
românticos
Fazíamos a nossa felicidade
E a felicidade dos auditórios
E dos ouvintes deste imenso País.
As luzes dos refletores acendem naquele romântico
Piano Bar
E meu coração explode ao ver Tito Madi chegar.
Chegar, cantar e fazer a noite sorrir.
E fazer a noite chorar.
A noite chorou quando Tito Madi cantou
A noite chorou, assim como eu chorei
Quando Tito Madi, tão sereno quanto à noite,
Falou: hoje é o encontro com saudade
A noite virou só emoção quando Tito Madi cantava:
‘’Balance os cabelos seus/Balance cai, mas não cai/E se cair/Vai caindo, caindo nos braços Meus’’.
‘’Mentira/foi tudo mentira/você não me amou’’.
Nós dois,
Eu e a noite chorávamos
Quando Tito Madi
Impiedosamente Romântico
Nos deixou,
Eu e a noite
A banharmos com nossas lágrimas uma de suas mais belas canções:
‘’Tantos sonhos eu tive/Eu sonhei com você/Foram sonhos tão tristes/Que eu sonhei com
Você/A saudade povoa os meus sonhos/Sofre o meu coração/A tristeza me surge nas Noites/Tudo é solidão’’.
Até a linda Lagoa Rodrigo de Freitas
Foi banhada pelo Orvalho da Noite
Que caía em forma de lágrimas
Ao ouvir Tito Madi cantar.
Cantar com o sentimento da alma
Que só ele sabe aonde buscar
Este grande sentimento que ele traz
Na alma, no coração e na voz,
Na hora de compor e cantar,
Naquele momento, eu me sentia
Na Boite ‘’Fossa’’, nos anos sessenta
Ouvindo e vendo Tito Madi Cantar e Ribamar Tocar.
O grande Piano do Maestro Haroldo Goldfarb, naquele momento,
Me levou ao grande Ribamar.
A noite passava com seu silêncio
E Tito Madi
Passava com sua música e sua ternura antiga.
Com uma saudade imensa
Que há anos atormenta
seu coração.
Saudade de Lucia, a mulher
amada
Que ele tem a certeza,
Irá encontrá-la
Nas ‘’Ilhas Cristais’’ que
ele construiu
Num mais puro sentimento
Onde só um poeta sabe e
pode construir
Para reencontrar um grande amor.
‘’Meu amor vou te encontrar/No mais bonito lugar/No pontal de Amoroa/A oeste de Pavoa/Perto das Ilhas Cristais/
Quero que me encontre lá/E na hora que eu chegar/Nesse nosso paraíso/Abra os braços e um sorriso/Corra pra me abraçar/Vou vestindo azul-marinho/Vá de branco nossas cores/Eu levo muito carinho/No peito muitos Amores/Guardados para lhe dar’’.
Hoje Tito Madi, Alivia a saudade e sua dor.
Com Sofia, sua princesa, neta e paixão.
Foi uma noite memorável
Onde eu levei meu sorriso
E trouxe muita saudade
E também a minha dor.
Literalmente ‘’foi a noite’’
Quando Tito Madi me homenageou
Cantando esta linda canção de Tom Jobim que um dia eu gravei.
Foi uma noite de Glória, porque eu também cantei.
Homenageei o Tito, com sua linda canção: ‘’Não diga não’’
E deixei também com ele o meu sentimento,
O meu carinho, a minha saudade
E trouxe na Alma e no meu coração,
O canto triste de Tito Madi.

(*) Ayrton Rocha (Fortaleza), jornalista, escritor, publicitário, Compositor, poetam

 

Untitled Document

Ayrton Rocha (Fortaleza), jornalista, escritor, compositor


                                            


:: Outras edições ::

> 2012

– Dezembro
O Canto Triste de Tito Madi
– Setembro
Conversa de Botequim
– Fevereiro
Aqueles olhos verdes

> 2011

– Agosto
A Flor do Asfalto

– Maio
Alvorada em Copacabana




:: Veja Também ::

Blog do Ayrton Rocha
Blog do Edmilson Caminha
Blog do Presidente
Humor Negro & Branco Humor
Fernando Gurgel Filho
JB Serra e Gurgel
José Colombo de Souza Filho
José Jezer de Oliveira
Luciano Barreira
Lustosa da Costa
Regina Stella
Wilson Ibiapina
















SGAN Quadra 910 Conjunto F Asa Norte | Brasília-DF | CEP 70.790-100 | Fone: 3533-3800
E-mail: casadoceara@casadoceara.org.br
- Copyright@ - 2006/2007 - CASA DO CEARÁ EM BRASÍLIA -