Boa madrugada, sexta-Feira, 20 de Setembro de 2019
Casa do Ceará

Imprima



Ouça aqui o Hino do Estado do Ceará



Instituições Parceiras


































:: Jornal Ceará em Brasília



— Última Edição —
— Edições Anteriores —

Untitled Document

Setembro 2014

Diálogo entre Dircinéia e Craudete

Aproveitando a ausência dos patrões, Dircinéia pega o telefone e “fofoca com a amiga Craudete”:

- Oi, Crau, hoje de manhã eu fui à feira. Antes de sair, meu patrão me pediu pra eu trazer figo.

Aí, eu perguntei: Figo fruta ou bife de figo?

O home ficou uma fera.

Gente fina, seu Adamastor, num ligo não.

Ele tem sistema nervoso. Também, com um emprego chato daqueles, vou te contar...

Ele é Fiscal da Receita. Deve ser um saco ficar conferindo receita de médico o dia inteiro, né não?

Depois chegou o Adamastorzinho, o filho mais novo deles.

Acabou de ganhar um carro todo equipado. Tem roda de maionese, farol de pilha, teto ensolarado e trio elétrico. Não sei pra quê trio elétrico num carro, deve ser porque ele gosta de música baiana.

E cê sabe da úrtima? Eu discubri que aqui nessa mansão que eu trabaio é tudo fachada!

- Como assim, Dircinéia? (pergunta a colega, confusa)

- Nada aqui é dos patrão! Tudo é imprestado! TUDO! Cê cridita numa coisa dessas?! Óia só: a rôpa que o patrão usa é dum tal de Armani... a gravata é dum tal de Perre Cardine... os móveis são do Luis quinzi, o carro é de uma tal de mercedes... nadica de nada deles.

- Nooooossa, que pobreza! - Diz a amiga indignada.

- E além de pobre, eles são muito inzibido, magina que ôtro dia eu escutei o patrão no telefone falano que tinha um Picasso.

- E num tem?

- Que nada, fia... é piquinininho di dá dó!

Só para velhos... amigos

Uma velha senhora foi para um safari na África e levou seu velhovira-lata com ela.

Um dia, caçando borboletas, o velho cão, de repente, deu-se conta de queestava perdido.

Vagando a esmo, procurando o caminho de volta, o velho cão percebe que umjovem leopardo o viu e caminha em sua direção, com intenção de conseguir umbom almoço ..

O cachorro velho pensa:

-’Oh, oh! Estou mesmo enrascado ! Olhou à volta e viu ossos espalhados nochão por perto. Em vez de apavorar-se mais ainda, o velho cão ajeita-se juntoao osso mais próximo, e começa a roê-lo, dando as costas ao predador ...

Quando o leopardo estava a ponto de dar o bote, o velho cachorro exclama bemalto: -Cara, este leopardo estava delicioso

! Será que há outros por aí ? Ouvindo isso, o jovem leopardo, com um arrepio de terror, suspende seuataque, já quase começado, e se esgueira na direção das árvores.

-Caramba! pensa o leopardo, essa foi por pouco ! O velho vira-lata quase mepega!

Um macaco, numa árvore ali perto, viu toda a cena e logo imaginou como fazerbom uso do que vira: em troca de proteção para si, informaria ao predador queo vira-lata não havia comido leopardo algum.. .

E assim foi, rápido, em direção ao leopardo. Mas o velho cachorro o vêcorrendo na direção do predador em grande velocidade, e pensa :

-Aí tem coisa!

O macaco logo alcança o felino, cochicha-lhe o que interessa e faz um acordocom o leopardo.O jovem leopardo fica furioso por ter sido feito de bobo, e diz: -’Aí,macaco! Suba nas minhas costas para você ver o que acontece com aquelecachorro abusado!’ Agora, o velho cachorro vê um leopardo furioso, vindo em sua direção, com ummacaco nas costas, e pensa:

-E agora, o que é que eu posso fazer ? Mas, em vez de correr (sabe que suas pernas doloridas não o levariamlonge...) o cachorro senta, mais uma vez dando costas aos agressores, fazendode conta que ainda não os viu, e quando estavam perto o bastante paraouvi-lo, o velho cão diz :

-’Cadê o filho da puta daquele macaco? Tô morrendo de fome! Ele disse que ia trazer outro leopardo para mim e não chega nunca! Imediatamenteo leopardo se esquiva, sai para longe do cachorro e devora o macaco.

Moral da história: não mexa com cachorro velho... idade e habilidade se sobrepõem à juventude e intriga.Sabedoria só vem com idade e experiência.

VELHO! É o seu preconceito.

Untitled Document

Luciano Barreira
Jornalista e Escritor

                                            


:: Outras edições ::

> 2017

– Outubro
Encontro de portugas. ora, pois, pois

– Setembro
Carta omante e consultas espirituais

> 2015

– Novembro
Tenóbio

– Outubro
Conversa Íntima Entre Dois Amigos Idosos

– Setembro
Conversa Íntima Entre Dois Amigos Idosos

– Agosto
A causa da desavença do casal

> 2014

– Dezembro
Pão De Queijo
– Novembro
Os novos comandos
– Outubro
Quando se tem o mesmo nome
– Setembro
Diálogo entre Dircinéia e Craudete
– Agosto
Cabaré processa Igreja
– Julho
As frases geniais e seus autores...
– Junho
Repassando...........
– Maio
O tal do “meia” em português...
– Abril
Coisas do Brasil
– Março
Enquete de São Pedro
– Fevereiro
Quando o trabalho dignifica o homem
– Janeiro
Reações inusitadas

> 2013

– Dezembro
Dicas judaicas de economia
– Novembro
Notícias de Lisboa
– Outubro
A Internet nunca substituirá o Jornal
– Agosto
A depressão da gorila
– Julho
Dicas para fazer sexo na 3ª idade:
– Junho
Repassando...........
– Maio
O tal do “meia” em português...
– Abril
Coisas do Brasil
– Março
Enquete de São Pedro
– Fevereiro
Quando o trabalho dignifica o homem
– Janeiro
Reações inusitadas

> 2012

– Dezembro
ASSALTANTE BAIANO
– Novembro
Tempos Modernos
– Outubro
O Grande Passo
– Setembro
Como a briga começa
– Agosto
O Grande Passo
– Julho
“Se um dia você tiver que escolher entre o mundo e o amor, lembre-se: se escolher o mundo, ficará sem amor; mas se você escolher o amor, com ele conquistará o mundo” Albert Einstein
– Junho
Exigências da vida moderna (quem aguenta tudo isso???) Haja fôlego!!!!!
– Maio
O amor não ilumina o seu caminho. O nome disso é poste
– Abril
Advogado x Engenheiro
– Março
Riqueza semântica
– Fevereiro
Diferença entre macho e muito macho
– Janeiro
Conseqüências da crise na Grécia:

> 2011

– Novembro
Show da língua portuguesa!
– Setembro
Despedida do TREMA
– Agosto
Considerações aleatórias
– Julho
Prezado Técnico
– Maio
15 dicas para fazer sexo na 3ª idade:
– Junho
Ensinamentos das MÃES DE ANTIGAMENTE
– Maio
Humor Negro ¨Branco Humor’’ Corrigindo velhos ditados
– Abril
Entre quimeras e devaneios (dos outros)
– Fevereiro
Bárbara é Udentista!
– Janeiro
Algodão, o novo éden
– Dezembro
A Flor do Araguaia
– Novembro
Homenagens póstumas
– Outubro
O Policial Pichado
– Setembro
Bárbara é udenista
– Agosto
Paixão Canina
– Julho
Se é traição conjugal...
– Junho
Um comunista competente e importante
– Maio
Comuna Paidégua
– Abril
Caçadores ou Cassadores
– Março
Esse Partido Existe!
– Fevereiro
Rompimento Ideológico
– Janeiro
Negro
– Dezembro
É como dente
– Novembro
Bem merecia uma medalha
– Outubro
Algodão, o novo éden
– Setembro
Revolucionário que caga em penico
– Agosto
Combata a crise, não combata Acrisio
– Julho
O Negócio é por tapas
– Junho
As Cabras do Caio
– Maio Os Poetas cantam,
os Idealistas choram



:: Veja Também ::

Blog do Ayrton Rocha
Blog do Edmilson Caminha
Blog do Presidente
Humor Negro & Branco Humor
Fernando Gurgel Filho
JB Serra e Gurgel
José Colombo de Souza Filho
José Jezer de Oliveira
Luciano Barreira
Lustosa da Costa
Regina Stella
Wilson Ibiapina
















SGAN Quadra 910 Conjunto F Asa Norte | Brasília-DF | CEP 70.790-100 | Fone: 3533-3800
E-mail: casadoceara@casadoceara.org.br
- Copyright@ - 2006/2007 - CASA DO CEARÁ EM BRASÍLIA -